Ao olhar a variedade de anúncios e ofertas de empregos da Gambare!, o trabalhador pode ficar em dúvida sobre qual a melhor oportunidade. Afinal, são quase 2 mil vagas em diferentes setores, em diferentes províncias, em diferentes fábricas. E cada uma delas tem sua própria particularidade.

Não existe uma resposta simples e direta para definir qual o melhor emprego para você, mas um dos melhores caminhos é descobrir qual que mais se encaixa no seu perfil. Candidatar-se a uma vaga que busca exatamente as suas qualidades é o segredo para conseguir ficar com ela sem trauma e frustrações. Assim você não perde tempo e ânimo ao pleitear uma vaga para a qual não tem chances.

Na última edição, a Gambare! fez uma reportagem especial sobre como se dar bem em uma entrevista de emprego. Há um trecho que vale a pena ser destacado novamente. “Conhecer as características da vaga desejada também é fundamental para saber se o emprego se encaixa ao seu perfil. Por exemplo: quem tem problema de coluna não pode postular um emprego em setores “pesados”, como de autopeças e construção civil. Da mesma forma, quem enxerga mal ou possui pouca habilidade com o manuseio de objetos pequenos provavelmente será preterido se aspirar a uma vaga no setor de eletrônicos, que exige visão aguçada e agilidade com as mãos.” A dica é: tenha sempre bom senso.

Encontrar um emprego ideal é uma via de duas mãos. Você precisa conhecer o seu potencial (e também seus limites) e saber se a vaga atende suas necessidades e projetos – quem deseja novos desafios precisa lutar (e se capacitar) para atingi-los. Para ajudá-lo nessa missão, a Gambare! preparou um guia que traça um raio-X dos principais empregos no Japão.

Continua - páginas: 1 2 3 4